Resenha: Aprendendo a Seduzir

10:07


“Mas amor... amor verdadeiro... Isso é algo que poucos encontram, e pouquíssimos são capazes de mantê-lo, quando conseguem acha-lo”

Aprendendo a seduzir foi escrito por Patricia Cabot, que na verdade era como a Meg Cabot assinava seus livros de romance históricos.   
Esse livro foi o meu primeiro romance histórico da vida, e ele fez com que o gênero virasse o meu favorito, e até hoje nenhum livro de época foi melhor para mim do que ele.
O livro conta a história de Lady Caroline Linford, que descobre que o seu noivo, o marquês de Winchilsea, estava sendo infiel, e de Braden Granville, conhecido como o maior libertino de Londres.
Caroline quer recuperar o seu noivado, porque além do que sente pelo marquês, ele salvou a vida de seu irmão quando ele estava metido em sérios problemas, ela não tem o apoio de sua mãe para o rompimento, e ela ficaria falada por toda Londres. Portanto ela recorre a Braden, que tem uma péssima reputação, e não apenas por seu histórico (gigante) com mulheres, mas porque por mais que ele seja um cara MUITO rico, ele não tem título de nobreza. Seu dinheiro provém de seu trabalho no ramo de armas, e não de uma herança familiar. Acreditando que o seu noivo buscou outra mulher por Caroline ser inexperiente nos assuntos íntimos, a Lady procura Braden para propor que ele lhe dê aulas teóricas de sedução, em troca de uma informação que seria valiosa para o homem, acreditando que se ela soubesse como satisfazer o seu noivo, ele não procuraria por outras mulheres. Mas claro, as aulas não demoram nada para se tornarem práticas...

“-Bem, na verdade, senhor Granville, o que eu preciso é... preciso que o senhor me ensine a fazer amor."

Essa não é a única confusão do livro, a amante do marquês de Winchilsea é na verdade Lady Jacquelyn, a noiva de Braden Granville. O homem sabe que está sendo traído, porém não sabe quem é o outro homem na vida de sua noiva, mas tem a certeza que ele pagará caro por ter cruzado o seu caminho.
Esse livro é completamente envolvente, sensual e apaixonante. As personagens também são encantadoras na mesma medida. Caroline por sua inocência e força, Braden por mostrar que caráter vai muito além de uma classe social. A melhor amiga da Lady Linford também é uma figura, uma vez que ela é uma mulher muito a frente de seu tempo, e vive lutando pelo o que quer (e vive se metendo em confusão pelo mesmo motivo). E é claro, o irmão de Caroline também contribui para com algumas surpresas ao decorrer do livro.
A forma como o relacionamento de Linford e Granville se desenrola é super envolvente, assim como a maneira como os noivos desses dois personagens participam da história. Além do romance, o livro tem dramas e mistérios para serem resolvidos que me deixaram de queixo caído.
O final foi surpreendente e lindo, e indico esse livro para todos que se interessem pelo gênero.
E indico livros de romance histórico para todas as românticas(os) de plantão, sério, experimentem! Achei incrível entrar em contado com os costumes de antigamente, ver como essas pessoas viviam, se vestiam e se comportavam. E é claro é de deixar um sorriso no rosto ver como os casais desses livros se libertam do que a sociedade dita para viverem o seu amor.

       “- Isso não é justo. Por que mulheres como Jacquelyn Seldon conseguem conquistar todos os homens? Eles não sabem que ela é incapaz de ser fiel? E do que me lembro da escola, ela sempre tratou muito mal seus cavalos.
       - Os homens não se importam com esse tipo de coisa- replicou Emily, com um dar de ombros.- Tudo o que lhes interessa é se sua saliência está sendo ou não polida com regularidade.”

        Essa é a minha edição de “Aprendendo a Seduzir” autografada pela Meg Cabot, a autora do livro <3




-Adriane

You Might Also Like

20 comentários

  1. Agora fiquei com mais vontade ainda de ler esse livro e sua resenha está ótima *-* tem pouco tempo que comecei a ler romances de época e estou adorando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada :DD, de romances históricos, gosto muito dos livros das séries "Os Bridgertons" e "Os Hathaways", recomendo!!

      Excluir
  2. Respostas
    1. É um livro maravilhoso, o meu favorito do gênero, espero que goste tanto quanto eu :D

      Excluir
  3. Adorei sua resenha. Esse com certeza vai pra minha wishilist de 2016! Obrigada :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Vanessa :D, se o gênero te agradar, experimente os livros da série "Os Bridgertons", que também são livros de romance hisórico !

      Excluir
  4. Adorei sua resenha. Esse com certeza vai pra minha wishilist de 2016! Obrigada :*

    ResponderExcluir
  5. Show de resenha!!! Por causa dela, esse livro vai subir na fila. rs bjsss Ana Ribeiro (skoob)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada :D espero que goste desse livro tanto quanto eu! Bjs

      Excluir
  6. Depois que li O Duque e Eu, me apaixonei por esse gênero e sua resenha solidificou a curiosidade que já tinha nesse livro. Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adoro o duque e eu! Já leu a serie "Os Hathaways"? É bem semelhante aos "Bridgertons"! Bjss

      Excluir
  7. Romance de época são os meus favoritos,eu já li Os Bridgertons" e "Os Hathaways",os da Série Bedwyn da autora Mary balogh.
    bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro "Os Bridgertons" e "Os Hathaways", ainda não tive oportunidade de começar os "Bedwyn", mas estão na minha lista de desejados, beijos

      Excluir
  8. Parabéns, excelente resenha, agora que fiquei com vontade de ler esse livro o mais rápido possível! =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada :D espero que goste do livro tanto quanto eu!

      Excluir
  9. Ai, nem sinto recalque desse autógrafo (u-u) kkkkk' Ain, vocês dois resolvendo lacrar fazendo um blog <3 Sei que esse lugar vai bombar de post, ó (só a Dri tem trocentos livros pra ler/que já leu, socorrinho... Passou o ano inteiro comprando só pra me deixar com evéja (e-e) kkkk')
    Amei a resenha, bicha <3 Meg samba na cara sem dó nem piedade XD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Bichaaaaaaaaa jakajskakajaja s2
      E eu não sei o que vc quis dizer com isso. Comprei não um livro não. Imagina.

      Excluir
  10. Oi Adriane,
    Eu westou com esselivro na estante um tempinho e vou sempre deixando a leitura para depois em virtude das prioridades com parcerias. Mas depois de ler sua resenha já até separei para ler nas férias. Tem resenha no meu blog Saleta de Leitura, mas foi feita pela minha colunista Luci Cardinelli.
    Parabéns pelo blog e pela resenha.
    Hoje a Saleta completa quatro anos e espero sua visita por lá e aguarde que vamos ter muitos sorteios.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada :D pode deixar que irei conferir o seu blog também! Beijos

      Excluir

Olá! Por favor deixe um comentário que iremos adorar conversar.

Popular Posts

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no instagram